segunda-feira, 16 de maio de 2016

MUNDO | NOVO PRESIDENTE QUER QUE CRIMINOSOS SEJAM ENFORCADOS DUAS VEZES

O presidente eleito nas Filipinas, Rodrigo Duterte, afirmou que quer restabelecer a pena de morte por enforcamento. O castigo foi abolido em 2006.
Duterte alegou que prefere o enforcamento ao pelotão de fuzilamento "para não gastar balas". Segundo a proposta dele, quem for condenado por dois crimes será enforcado duas vezes, "até que a cabeça fique completamente separada do resto do corpo". Ainda, os acusados que resistirem à polícia "de forma violenta" ou fugirem poderão ser executados no local.

Duterte ficou conhecido como "Justiceiro" durante os 22 anos em que foi presidente da Câmara de Davao por combater a criminalidade com as próprias mãos e defender a criação de esquadrões da morte.
As propostas polêmicas do novo presidente, que tomará posse no dia 30 de junho para um mandato de 6 anos, também incluem a proibição da venda de bebidas alcoólicas depois de 2h e a acusação de abandono para os pais que deixam os filhos menores de idade andarem sozinhos nas ruas de noite.
Via. SRZD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este espaço é seu, pode comentar!